Checkup antes de malhar é questão de bom senso

Especialista defende a necessidade da avaliação médica antes de se começar a prática de exercícios físicos

36
Uma avaliação do médico pode prevenir problemas durante o esporte (Foto: Dercilio/SAÚDE é Vital)

Embora não seja mais legalmente obrigatório apresentar atestado para se matricular em uma academia, é muito importante procurar um médico antes de começar o treino, contratar um personal trainer ou praticar atividade física por conta própria. Só com a avaliação desse profissional de saúde se pode estabelecer com absoluta segurança se o indivíduo está apto, do ponto de vista cardiovascular e de outras condições de saúde, a fazer esforço, bem como dimensionar a carga de exercícios adequada.

Iniciar atividades físicas depois de um período de sedentarismo implica riscos reais para qualquer pessoa, e eles são proporcionalmente maiores à medida que a idade avança e na presença de um histórico de problemas de saúde. O mesmo alerta vale para os chamados atletas de fim de semana.

A realização de um checkup e a orientação médica prévia permitem diagnosticar com precisão o estado físico e nortear cuidados para se usufruir com segurança e alegria de todos os benefícios reconhecidamente proporcionados da prática regular de exercícios.

Por isso, a nossa recomendação é procurar seu médico de confiança ou um profissional com experiência em medicina do esporte antes de fazer a matrícula ou sair correndo por aí.